Notícias

Prefeito Zezé destaca apoio de conselheiros tutelares às políticas públicas da criança e adolescente, em Santa Luzia

O prefeito de Santa Luzia, José Alexandre de Araújo – Zezé, participou, nesta sexta-feira (10), da cerimônia de posse dos novos conselheiros tutelares do município, eleitos no último mês de outubro. A solenidade ocorreu na Câmara Municipal, e foi coordenada pelo Conselho Municipal de Direitos da Criança e Adolescente (CMDCA).

Estiveram presentes o vice-prefeito Francisco Seráphico Ferraz da Nóbrega – Chicão; o secretário chefe de gabinete, Valdomiro Pereira; a secretária de Assistência Social, Maria Lúcia Lira de Araújo; a secretária de Saúde, Ceciliana Medeiros; o presidente do Poder Legislativo, vereador Milton Lucena, entre outras autoridades, representantes de classe e da sociedade civil.

Foram empossados os conselheiros tutelares que atuarão no triênio 2020-2023. São eles: Ananias Messias dos Santos, Luzimar Maria do Nascimento, Josimária da Conceição Silva de Medeiros, Frankson Nery Nóbrega e Simone Nóbrega dos Santos. Também tomaram foram designados os atos de posse de conselheiros suplentes para Francineide Gomes de Araújo, Jacqueline Maria de Souza, Maria José Alves de Medeiros, Paulo Gomes de Oliveira, Luciano Francisco da Silva e Maria Damiana de Oliveira Santos.

Na oportunidade, o prefeito Zezé destacou que os conselheiros tutelares têm um papel fundamental na defesa e proteção das crianças e adolescentes, bem como na garantia do cumprimento das políticas voltadas para este público. “O trabalho do Conselho Tutelar é essencial para a proteção social e defesa da Legislação que compõe o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Desejo sucesso aos novos conselheiros e reitero que a Prefeitura Municipal de Santa Luzia é parceira na realização desse importante trabalho”, comentou o prefeito Zezé.

O presidente do CMDCA, Bivar Duda, destacou o dever, o compromisso e o zelo que os conselheiros tutelares precisam ter em relação ao cumprimento do ECA, com o objetivo de garantir a proteção de todas as crianças e adolescentes do município, sobretudo, quanto à segurança e garantia de seus direitos.


 « Voltar